25 de Janeiro de 2010 19:34:25
logo TIGRÃO – SUPREMAX – SUZUKI
VANVERA

Início » Notícias » Capital » Exibindo Notícia

Auto Posto Ariquemes

Data: 09/05/2022 Compartilhe esta notícia

Acusado de matar professora é encontrado morto em cela do Urso Branco

Acusado do assassinato da professora Fernanda Herlana Tenório de Lima, na noite da última sexta-feira (6), Pedro de Holanda Freiras Neto, 33 anos, foi encontrado morto em uma das celas do presídio Urso Branco, em Porto Velho neste domingo (8).

A Polícia Militar confirmou a informação ao RONDONIAGORA, mas ainda não se sabe a causa da morte, que ainda será apurada.

Pedro foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) horas depois do corpo ser encontrado, após colidir com o carro da vítima, na BR-364.
Levado para o Departamento de Flagrantes, ele acabou sendo confirmado como suspeito de feminicídio e furto. Também foi flagranteado por embriaguez ao volante.
Segundo apurações preliminares da Polícia Civil, o homem foi visto saindo da residência da vítima pouco antes do corpo ser encontrado, o corpo tinha marcas de violência e havia incompatibilidade com suicídio.

Outra informação que a Polícia obteve é que Fernanda queria terminar o relacionamento.

 

FONTE: RONDONIAGORA

 

RELEMBRE O CASO:

Homem é preso após matar a namorada estrangulada e na fuga causa grave acidente na BR-364

Um individuou identificado como Pedro H. F. N. (32), foi preso em flagrante delito após matar a professora identificada como Fernanda Herlana Tenório de Lima, 36 anos, na noite desta sexta-feira (06), localizada na Avenida José de Alencar, bairro Areal centro, região central de Porto Velho.

De acordo com as primeiras informações, o suspeito conhecido como “Venezuelano”, era namorado da vítima, sendo que ela morava no local a cerca de seis meses e sempre, havia brigas no local e ela teria pedido para terminar a relação e passou a ser ameaçada de morte.

O suspeito teria sido visto pela manhã saindo da casa e pela noite, como ela dava aula a noite, não foi trabalhar, levantando a suspeita de uma amiga a qual também é professora, onde ela ligou no celular da vítima e quem atendeu foi o suspeito, onde ele disse; “Ela vai pagar de uma maneira trágica”.

A amiga foi até a casa e com medo de entrar acionou a Polícia Militar, onde os policiais acabaram encontrando a mulher ao lado da cama com um pano no pescoço, logo uma ambulância do Samu chegou no local e constatou o óbito e perceberam que a vítima não tentou contra a própria vida e sim alguém cometeu o crime de assassinato, pois ela estava com várias lesões pelo corpo.

O local foi isolado e notado pelos familiares que além do aparelho celular da vítima ter sido levado pelo suspeito, ele também levou o carro dela. Depois de diligências os policiais civis da delegacia de homicídios receberam informações que Pedro foi preso em flagrante por policiais rodoviários federais após ele bater o carro contra a traseira de um caminhão na BR-364, próximo da base de policiamento da PRF sentido Candeias do Jamari, onde ele ficou com leves lesões e recebeu o atendimento de uma unidade de saúde e depois foi conduzido para o departamento de flagrantes.

O corpo passou por perícia e depois foi removido para o Instituto Médico Legal, para exames mais detalhados. As Policiais Militar, Civil e PRF estão fazendo a confecção do boletim de ocorrência de feminicídio.

 

Fonte: Oobservador

Data: 09/05/2022 Compartilhe esta notícia
 
 
Tigrão Veículos
Novalar
Café Bem Cedo 2
moto mil
LORYAL
sobreira
QI PROVÃO
SANTA MARIA
Adubar no Site
Adubar – Calcário de qualidade para o seu solo! – Vídeo
WorldNet – Ariquemes
Superemax Direito
unicesumar

www.ariquemes190.com.br
Copyright © 2008 - 2022 Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Buscazip