25 de Janeiro de 2010 19:34:25
%{artist} - %{title} , (%{year}) (%{time})
    PodCast Ariquemes 190 -- Play para ouvir
Carregando %{time1} de %{time2} (%{percent}%)
  ---  
0:00

This is a normal list of HTML links to MP3 files, which jsAMP picks up and turns into a playlist.

SÃO LUIZ CALÇADOS
Romera
Sobreira

Início » Notícias » Entretenimento » Exibindo Notícia

Auto Posto Ariquemes

Data: 11/08/2016 Compartilhe esta notícia

5 pessoas que escaparam da morte e se deram mal

     Você já ouviu aquelas histórias de pessoas que conseguiram escapar de situações ou acidentes fatais milagrosamente, mas que, algum tempo depois, acabaram perdendo a vida tragicamente em outros incidentes? O pessoal do site Oddee publicou um artigo sobre esses casos, e você pode conferir cinco deles a seguir:

1 – Lugar errado

Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia

 

Publicidade

Você se lembra do acidente envolvendo o voo 214 da companhia aérea Asiana que ocorreu em São Francisco em julho deste ano? A tragédia contabilizou 180 feridos e duas vítimas fatais. Uma delas era a jovem Ye Meng Yuan, que não morreu por conta de ferimentos provocados pelo choque da aeronave nem pelo incêndio que seguiu o impacto.

Ninguém sabe explicar ao certo como tudo aconteceu, mas Ye, embora ferida, conseguiu escapar da fuselagem e se encontrava deitada a alguns metros do avião — coberta pela espuma utilizada para combater as chamas —, quando foi atropelada por um dos caminhões dos bombeiros que atendia a emergência.

2 – Time completo

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Na década de 70, os jogadores de um time de basquete — da Universidade de Evansville — de Indiana, nos EUA, morreram tragicamente em um acidente de avião que ocorreu pouco depois da decolagem. Apenas um dos integrantes da equipe ficou para contar a história: um rapaz chamado David Furr, que não estava na aeronave naquele fatídico dia devido a uma lesão no tornozelo. Mas ele não ficou vivo por muito tempo...

Duas semanas depois do desastre, Furr estava voltando para casa com seu irmão mais novo quando seu carro foi atingido por um motorista embriagado, e ele acabou se juntando aos demais companheiros de time.

3 – Dias de atraso

Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia

Você se lembra do terrível acidente com o avião da Air France que ocorreu em 2009? O voo partia do Brasil com destino à França, e todas as 228 pessoas que estavam a bordo perderam suas vidas. A italiana Johanna Ganthaler, que estava passando as férias por aqui com o marido, chegou atrasada ao aeroporto e não conseguiu embarcar, escapando da tragédia por pouco.

Contudo, duas semanas depois, lá estava a Johanna viajando com seu marido na Áustria, quando o carro no qual se encontravam perdeu o controle, invadiu a pista contrária e bateu de frente com caminhão. Apenas o marido sobreviveu.

4 – Alvo certo

Fonte da imagem: Reprodução/Fast Angel

Em 2012, durante a exibição do filme “Batman: O Cavaleiro das Trevas”, mais de 50 pessoas ficaram feridas e 12 perderam suas vidas depois que um maluco invadiu a sala de cinema, lançou uma bomba de gás contra a plateia e começou a disparar. Esse incidente ocorreu em Aurora, no Colorado e, entre as vítimas fatais estava Jessica Redfield, uma jovem locutora de esportes que trabalhava como estagiária em uma rádio de Denver.

Coincidentemente, Jessica havia sobrevivido a um tiroteio que ocorreu em um shopping de Toronto, no Canadá, apenas um mês antes do ataque no cinema. Um detalhe sinistro sobre essa história é que a moça descreveu a experiência no centro comercial em seu blog, contando que não conseguia se livrar de uma sensação estranha que a deixava oprimida.

5 – 11/09

Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia

Um dos piores ataques terroristas da História sem dúvida foi o que ocorreu ao World Trade Center, nos EUA. Quase 3 mil pessoas perderam suas vidas e mais de 6 mil ficaram feridas, e Hilda Yolanda Mayol foi uma das afortunadas que conseguiram escapar de uma das torres atingidas. Mas a sorte da moça durou pouco. Na verdade, apenas dois meses.

Hilda decidiu tirar férias e visitar sua terra natal — a República Dominicana — com a família, e inclusive enviou sua mãe e seus dois filhos duas semanas antes. Por azar, Hilda tomou o voo 589 da American Airlines, que caiu no Queens, em Nova York, matando todos os 260 passageiros que estavam a bordo da aeronave.

FONTE: Mega Curioso

 

Data: 11/08/2016 Compartilhe esta notícia
Novalar
Farmácia Paraná
Tigrão Veículos
Rondon Cap

www.ariquemes190.com.br
Copyright © 2008 - 2017 Todos os direitos reservados

Site desenvolvido por Softwei, Buscazip, Guiaking Empresas